segunda-feira, 25 de julho de 2011

NÃO TEMOS SETE DEMÔNIOS AO NOSSO REDOR



"Quando um irmão é desassociado,
sete demônios ficam em volta dele"



Eu não sei se vocês já ouviram esse tipo de comentário, mas em Salvador eu já tinha escutado isso, e ontem, ouvi novamente essa expressão, aqui em Brasilia. Fico imaginando quantos desassociados conseguiriam ajustar sua vida e voltar à Organização se tivessem realmente que lidar com sete demônios ao seu redor? Enfim,  como não sou daqueles que repete o que os outros dizem, mas prefiro pesquisar e buscar na fonte da Bíblia as respostas à minhas dúvidas, gostaria de dizer que tudo isso não passa de mais uma das besteiras que muitos irmãos repetem como falácias.

Vamos lá, a Bíblia menciona "sete demônios" em apenas uma única ocasião. Oficialmente em Lucas 8:2, e extra-oficialmente, num dos manuscritos antigos que na NM foi inserida em Marcos 19:9 (conclusão longa). O relato mostra que Jesus Cristo havia expulsado sete demônios de Maria Madalena, que mais tarde viria se tornar uma das grandes colaboradoras na congregação, tendo o privilégio, inclusive, de ser uma das primeiras a ver Cristo ressuscitado.

Não dá pra saber se o sete eram literais, ou apenas uma metáfora já que a Bíblia utiliza o "sete" para representar inteireza. Por exemplo o termo "Sete Congregações" é utilizado para se referir a todas as congregações ao redor do planeta;  Jesus disse que devemos perdoar até "Setenta e sete vezes mais" no sentido de que o perdão não tem limites. (Rev. 1:20; Mt 18:21, 22) Seja qual for o significado dos "Sete demônios", observem que eles se referiam apenas ao fato de estarem perturbando uma descrente - que alguns historiadores dizem ter sido uma prostituta - que não conhecia e nem era seguidora de Cristo Jesus.

Da mesma forma, não existe nenhum relato bíblico, nem quando o apóstolo Paulo menciona sobre os desassociados, de que eles quando estão afastados, são automaticamente tomados por sete demônios especificamente, ou coisa parecida. 

Contudo, vale lembrar que os demônios tem por objetivo afastar a todos de seguir a Jeová, o Deus Todo Poderoso, e a seu filho, Jesus Cristo. Diariamente, por meio do "desejo da carne, e o desejo dos olhos, e a ostentação dos meios de vida da pessoa", eles nos tentam a todo modo a nos afastarmos da Organização. Para isso precisamos estar sempre revestidos da armadura espiritual de Deus, que envolve entre outras, estarmos produzindo os frutos do espírito. (1 Jo. 2:16; Ef. 6:11; Gal. 5:22,23)  

A pessoa que está servindo a Jeová como Testemunha sua, indo ao Serviço de Campo frequentemente, assistindo e participando das reuniões regularmente, possui naturalmente uma proteção espiritual maior, mas lembre-se, que mesmo este, se não aplicar os princípios bíblicos em sua vida, pode ser engodado pelo diabo, e com isso, cometer erros que pode levar a contristar o espirito santo de Jeová, o que seria um perigo, afinal, sem espírito santo, sem proteção contra demônios, que pode levar à desassociação. O desassociado  impenitente, que continua a cometer erros contra Jeová, obviamente perde toda a proteção espiritual, e assim, fica mais suscetível aos ataques de Satanás e seus demônios. 

Contudo, lembre-se da promessa de Cristo Jesus, quando disse:  "Eu vos digo em toda a verdade: Se pedirdes ao Pai qualquer coisa, ele vo-la dará em meu nome. Até o momento não pedistes nem uma única coisa em meu nome. Pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja plena." (Jo 16:23-24) 

Assim, mesmo que esteja desassociado, porém esteja desperto, buscando se guiar nos caminhos de nosso Deus, não perdendo uma reunião sequer, orando regularmente, lendo as publicações e, principalmente, a Bíblia, tenha certeza de que Jeová jamais se afastará de você, e mesmo que pequena, mas o brilho de nosso Deus será o suficiente para afastar qualquer mal que talvez esteja à espreita querendo nos pegar. E lembre-se, se dermos os passos para retornar ao nosso Deus, Jeová “perdoará amplamente”. — Isaías 55:7.



8 comentários:

  1. mas as vezes andre as vezes as circunstançias que nos afligem estão alem da capacidade humana.apenas jeova pode nos ofereçer consolo nao importa quão ruim a nossa situação esteja.sentinela 15 de outubro 2011comentario tirado do saite www.jw.org

    ResponderExcluir
  2. é certo que quando desassociados as coisas mudam. É natural nos sentir sozinhos, desanimados, etc.

    Mas, só se nós quisermos é que Jeová não estará do nosso lado, pois se estivermos arrependidos genuinamente Jeová continuará achegado a nós.

    Por isso o segredo é ter forças para continuar agarrados com Jeová como disse André no post acima.

    Ótima postagem André.

    ResponderExcluir
  3. Tendo presente as promessas seguras de jeová e lembrando-nos do fiel exenplo de nossos irmãos sob perseguição,não precisamos temer o futuro,muito embora traga sobre nós toda a ira ardente de satanás,sua agonia da morte.sabemos que jeová permite que passamos por uma prova a fim de demonstrarmos nossa fé e para vindincação do se grande nome.sabemos que Deus e fiél,e ele não deixará que sejais tentados além daquilo que podeis aguenta,mas junto com a tentação ele proverá a saida,a fim que possais aguentar.1cort,10:13.por esta razão encaremos o futuro com plena fé e confiança,assegurados de que podemos vencer os projéteis ardentes do iniquo.efé.6:16.e por fim,poderemos bradar com alegria:Graças a Deus,porém ele nos dá a vitoria por intermédio de nosso senhor jesus cristo-1cori.15:27.sentinela 1 de junho de 1967.

    ResponderExcluir
  4. veja esse video sobre voces, muito bem explicado

    http://www.youtube.com/watch?v=2fGHdBWOb34

    ResponderExcluir
  5. Marcio,
    em mateus 12:43-45 diz que
    quando o espirito imundo sai do homem por expulsão e não há uma reconciliação, ou seja quando seu corpo não volta a ser de Deus, então esse espirito voltará com 7 espiritos ainda piores.

    ResponderExcluir
  6. quanto a isso embora não acredite que todo desassociado "tenha sete demonios" quer isso seja literal ou uma metafora,a verdade é que isso dependerá de cada um.Eu por exemplo fiquei 5 anos desassociado e nessa época eu costumo dizer que eu "permite" que acontecesse comigo o que disse Jesus.Passei a me embriagar,cometer imoralidade de uma forma sem igual como nunca antes na minha vida eu tinha cometido ,tentei me matar... enfim
    A situação foi assombrosa,no meu caso eu digo:Eu tinha sete espirito impuro,por outro lado conheço pessoas que foram também desassociados e continuaram a levar uma vida limpa,e não deixaram de assistir as reuniões.Portanto cada situação é uma situação.Mas o melhor de tudo foi ter passado pelo furacão da apostasia pesada e isso ter tido um efeito contrario,me convenci mais ainda que as Tjs ensinam a verdade,mas para isso teve a ajuda de alguns irmãos que na época mesmo eu tando desassociado se dispuseram a me ajudar,irmãos que serei eternamente grato.
    entre eles o Irmão Apolo do site www.oapologistadaverdade.com.br
    o irmão Rubens dantas do site www.traduçãodonovomundodefendida
    E o centurião do site;wwwtestemunhasdejeovádefendidas.

    ResponderExcluir
  7. No capitulo de Lucas 11:24-25 e Mateus 12:43-45. São bem parecidos e relata que o espirito impuro volta a casa.

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.