domingo, 17 de julho de 2011

JEOVÁ, A PESSOA MAIS IMPORTANTE PARA TODOS NÓS!


Acabei de chegar da reunião. Agora com mais um companheiro. Um garoto que foi desassociado na quinta, por motivos que todos nós já conhecemos. Enquanto isso, acho que o outro irmão ficou meio desanimado porque possivelmente os anciãos pediram para ele aguardar mais um pouco. Há duas semanas que não o vejo. Quanto ao garoto, é incrível como em pleno século XXI alguns ainda caem no velho golpe do casamento. Dois jovenzinhos. Ele 21. Ela 16. Fizeram "aquilo" e ela disse que queria casar com ele. Como ele disse "não". Ela espalhou pra todo mundo. Resultado? Desassociação. Esse tipo de coisa me dá nos nervos. Mas me dá mais nos nervos ainda vê a garota levantando a mão para comentar - e pior, darem comentário para ela - que devemos continuar fortalecendo nossa fé. Detalhe: ela não é nada, nem publicadora não-batizada, é "filha de irmã". Apesar da pouca idade, dizem as más línguas que a fama dela no bairro não é boa. Interessante é que ela pode comentar; nós não. É no mínimo irônico não é? Enfim, leis são leis e devem ser cumpridas.

___________________________


Nao sei se é eu que estou pesquisando pouco, mas de vez em quando alguns oradores me surpreendem com observações interessantes. Eu já li e reli Gênesis várias vezes, mas nunca tinha observado um ponto de vista interessante. Quando Adão e Eva pecaram contra a Jeová, uma das caracteristicas de sua imperfeição foi se envergonharem por estarem nus. Em 3:7, mostra que eles coseram folhas para se cobrirem, mas mais adiante, no versículo 21, o relato mostra que mesmo apesar de estarem cobertos, Jeová fez "vestes compridas" para eles.

No contexto do discurso, mostra que nem sempre algo que achamos que estamos fazendo de bom é certo, só porque acreditamos que estamos cumprindo uma regra bíblica. O nosso ponto de vista é diferente do ponto de vista de Jeová. As coisas de folhas poderiam cobrir partes dos corpos de Adão e Eva, do ponto de vista deles, mas do ponto de vista de Jeová, ainda faltava mais. As vezes isso pode acontecer com nossa vida. Achamos que estamos fazendo o suficiente aos nossos olhos. Talvez sair no Serviço de Campo aos domingos, assistir as reuniões regularmente, dar um comentário quando der, ou seja, no nosso ponto de vista está tudo na mais perfeita tranquilidade. Mas será que do ponto de vista de Jeová, não necessitamo fazer algo mais?

___________________________


No estudo da revista de hoje - "Quem é a pessoa mais importante na sua vida?" - observei uma coisa curiosa, que infelizmente, o dirigente da revista não focou tanto como achei que deveria focar. Nos parágrafos 16, 17, e especialmente o 18, abordou a um tipo de enganoque muitos irmãos, sem perceber, cometem. A de que a prosperidade está ligada diretamente à espiritualidade de alguém. Minha mãe é uma delas. Às vezes quando algo de errado acontece comigo, como uma batida no carro ou problemas financeiros, ela atribui ao fato d´eu estar desassociado, como se acontecesse de estar ativo, os mesmos problemas não acontecessem. Uma vez ouvi de uma irmã sobre um irmão que tinha sido designado ancião de que "Jeová abençoa as pessoas que andam corretamente", isso porque ele tinha um carrão e um ótimo emprego!

Então quer dizer que pessoas pobres que sofrem problemas não são abençõadas por Jeová ou são fracas espiritualmente?

As vezes eu pensava assim. Toda vez que acontecia algo ruim, achava que estava sendo "punido" por estar desassociado. É um pensamento ruim, um pensamento satânico. É assim que o diabo quer que pensemos, para imaginarmos que servimos a um Deus punitivo, sem amor. Me lembrou uma cena de "Paixão de Cristo", quando Jesus está sendo açoitado pelos romanos e o diabo aparece carregando com carinho o seu "filho", mostrando para Jesus que ela amava de verdade, ao contrário de Jeová que supostamente o havia abandonado. Tudo bem, é uma cena fantasiosa, porque não aparece na Bíblia, mas acho que Mel Gibson teve o insigth perfeito para demonstrar como Satanás tenta nos enganar.

Que jamais pensemos que Jeová nos abandonou. Jeová se afasta daqueles que querem se afastar dele, mas se aproxima de todos, que com o coração arrependido e sincero, quer fazer a sua vontade. Inclusive nós, os desassociados, que querem continuar servindo ao Deus Todo Poderoso.


___________________________


Enfim uma noticia alegre. Meu cunhado, marido de minha irmã que ainda mora em Salvador, foi designado ancião. Que bom. Conheço a pesonalidade e o caráter dele. Sei que será um ótimo ancião!

8 comentários:

  1. Já é feio quando rola fofoca dentro do salão comentando os motivos de uma desassociação...e vc espalhar isso num blog é 3x mais feio André!

    ResponderExcluir
  2. Não é fofoca quando os próprios envolvidos trataram de espalhar a história.

    ResponderExcluir
  3. so sera readmitido quando por fim nesse blog.

    ResponderExcluir
  4. Quando fui dessassociado sofri muito com os comentários, uma coisa pequena se torna imensa, a volta do dessassociado fica mais dificil ainda, pois teremos de suportar a vergonha. Alguns irmãos aproveitam para descarregar seus comentários ruins sobre a agente maximizando nossas faltas. Eu confessei meu pecado, mas ás vezes, penso comigo, se não teria sido melhor guardá-lo comigo e recomeçar novamente minha relação como o meu Deus Jeová. Mas é tarde, estou dessassociado e mal falado, e por último perdi uma pessoa que amava de coração. A dor é grande, mas somente confiando em Jeová é que tenho esperança de suportar tudo. Tenho entregado a Ele a minha vida e vontade, e pedindo que Ele me leve ao Salão do Reino a força, quando o desânimo for intenso.

    ResponderExcluir
  5. André, falando em materialismo, presenciei um fato inusitado, todos nós TJs aprendemos, a não ser materialista e nos confortar com os meios necessários, e ao longo da minha vida, quando estava na organização procurei sempre evitar situações que desagradasse ao nosso Deus. Quantos concursos de PRF, PF, DELEGADOS, e outras carreiras evitei fazer,por último pensei em trocar o meu carro, mas não troquei pois, seria desperdício trocar um carro por outro, quando este ainda é um bom carro, apesar de já estar desvalorizado. Certo dia na porta de meu serviço vi um irmão que é ançião que tinha um carro similar ao meu, passar com sua familia um carro tipo cabine dupla, fiquei matutando por muito tempo, meu Deus, ele é ancião e fez esta troca, e fiquei aqui com cara de bobo. Mas orei a Jeová que não me mudasse de foco, ou seja, prosseguir assistindos as reuniões e deixei que Jeová me esclarecesse com o tempo.

    ResponderExcluir
  6. Sobre a questão da fofoca, é inevitável. Primeiro porque os irmãos são imperfeitos e segundo por que muitos são chamados irmãos, mas não são irmãos verdadeiros.

    Eu fui vítima de email com calúnia sobre mim. Certamente fiquei muito chateado e pensei em investigar o possível autor mas desisti pois vi que isso só nutriria raiva e poderia me afastar de Jeová.

    Hoje penso o seguinte: Quero voltar por Jeová! E não pelos outros. O que os outros pensaram sobre mim é problema deles, fico feliz por saber que Jeová sabe o que está no meu coração.

    Cheguei a pensar como o anonimo, que talvez fosse melhor nao ter confessado, mas logo lembrei do peso que tirei de cima de mim quando confessei meu erro. Foi a coisa certa.

    Sobre a música André, isto sempre será um assunto discutível. Sobre a gravura, serve apenas para mostrar que o que não presta deve ser descartado. Eu particularmente ouço de tudo um pouco pois vejo a música como um meio de descontração, não sou crítico de música. Apenas evito músicas com letras cujo conteúdo sejam claramente impróprios. Tem irmãos que se fala de beijo na boca já não houvem, não sou tão radical assim. Sinceramente, Jeová não vai condenar quem ama a ele por que ouviu uma música que outros irmãos condenam.

    Faço minhas escolhas e respeito as escolhas dos outros.

    ResponderExcluir
  7. Essa menina é uma pimentinha,hein André,espero que ela se acerte com Jeová,pois é o único,que não podemos enganar.

    ResponderExcluir
  8. ANDRE TAMBM FIQUEI COM MUITA RAIVA QUANDO MINHA ESPOSA ME TRAIU FUI DESSASSOCIADO E ME DISERAM QUE O FORTE DESEJO SEXUAL DELA ERA DOENÇA BOM PRA PIORAR ELA ENTROU NA EPOCA COM O DIVORCIO SAIU COMO INOCENTE E HOJE É PIONEIRA REGULAR MAS ME ALEGRA SABER QUE jEOVA COMEÇARA SUA LIMPEZA PELA SUA CASA ASSIM NO ARMAGEDOM NÃO HAVERA SUBTERFUGIOR PARA SE DISSER ESTOU MORRENDO POR QUE MESMO? SE LHE CONSOLA O ANCIÃO MAIS OUTRO FORJOU UMA FALSA CARTA NA QUAL DIZIA QUE EU ESTAVA PEDINDO PRA SER DISSOCIADO (NUNCA ) POR MINHA FILHA E JEOVA SABE NUNCA O NEGARIA COMO MEU DEUS E SUA ORGANIZAÇÃO COMO VERDAD, APENAS NESTA VIDA CONFIO NA JUSTIÇA DE NOSSO BONDOSO CRIADOR E SOBERANO PAI jEOVA. EZEQUIEL

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.