segunda-feira, 22 de novembro de 2010

LYKKE LI

Os filmes da saga Crepúsculo até que não foram totalmente ruins, apesar de tudo teve uma trilha sonora legalzinha que reuniu muita gente boa. Na trilha de LUA NOVA descobri Lykke Li que canta a música mais linda e mais triste do filme "Possibility". A música é tão triste que certo dia quando ouvia, precisei tomar anti-depressivo. Exageros á parte, vale à pena conhecer o trabalho dessa menina.





Fui em busca de outras canções e acabei me surpreendendo com uma seleção de músicas fantásticas. Nascida em Estocolmo, Suécia, e embora tenha mudado para os Estados Unidos aos 19 anos, foi somente ao retornar à sua terra natal que conseguiu produzir seu primeiro álbum "Youth Novels". O reconhecimento na billboard veio quando o rapper Kenye West a convidou para um dueto na canção "Gifted".

Likke Li tem um estilo que por não ser identificável chamam de "Indie Rock". Com canções que abusam das melodias que grudam no ouvido e batidas eletrônicas, o destaque é para sua voz suave e encantadora.

Todas as canções são lindas, e fica difícil destacar algumas, mas posso indicar "Evereybody but me", "Hanging High", "Dance, dance, dance" e "I´m good, I´m gone".

3 comentários:

  1. bio - voce faz uns achados clássicos.dei uma procurada na net mais nao achei nenhuma da musicas dela

    ResponderExcluir
  2. Puxa rapaz... seu não fossem pesadas eu te enviaria por email. Mas tenta a pagina dela no MySpace: http://www.myspace.com/lykkeli

    ResponderExcluir
  3. ô André...atualiza o blog meu querido...estou vindo aqui faminto de coisas novas!!!
    Valew cara!!!
    Obrigado por manter este blog que é visita obrigatória todos os dias!!!

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.