segunda-feira, 31 de agosto de 2009

A verdade sobre Charles T. Russell

"Mas a vereda dos justos é como a luz clara
que clareia mais e mais
até o dia estar firmemente estabelecido"
- Provérbios 4:18


Se você pesquisar por Charles Taze Russell no Google, será inundado por uma série de sites apóstatas denegrindo a imagem dele e de nossa Organização. Ao menos existem três acusações sérias:

(1) Ele foi um adúltero;
(2) Era membro da maçonaria; e,
(3) Um piramidologista.

As primeira acusação é fácil de desmembrar porque a própria vítima, sua esposa, declarou em juízo que não acreditava nisso. Falarei sobre isso com mais detalhes mais tarde. Porém as duas últimas são complexas pois existem supostas provas visuais: Russell realmente se interessou pelas pirâmides, em especial, a pirâmide de Gizé, publicou suas teorias no volume "O Plano Divino das Eras" e até à sua morte a Organização acreditava fielmente de que os planos de Jeová estavam atrelados a essa pirâmide. Ao morrer, Russell teria deixado orientações em seu testamento para que em seu túmulo fosse construído uma pirâmide, coisa que está lá até hoje para delírio dos opositores. Russell entalhava nos primeiros números de A Sentinela um símbolo de Cruz e Coroa, supostamente atrelada ao movimento maçon, e hoje, o terreno aonde está o seu túmulo, supostamente pertence ao Centro de Maçonaria de Allegheny, EUA.


FOTO:Túmulo de Russell em Allegheny, EUA.


Mas o que há de verdade em tudo isso? Como podemos rechaçar essas acusações infundadas com respostas concretas sem que pareçamos um bando de religiosos fanáticos e enganados? Com vocês, a verdade. Mas antes, precisamos entender a formação e as circunstâncias atenuantes ao qual Russell e seus associados estavam vivendo. Se você ainda não leu o livro "Proclamadores do Reino", o façam agora!. Se já luu, é bom ler novamente. É interessante estar sempre com a informação vívida, pois os apóstatas são tenebrosos e trabalham sempre com a intenção de plantar a dúvida. Leia o livro e conheça a história da organização o qual você faz parte por ela mesma.

Estavam eles no final do século 19, época aonde iniciava o declínio católico e as religiões tradicionais protestantes começavam a se destacar, especialmente devido aos imigrantes irlandeses e judeus que rumavam para a colônia inglesa na América do Norte, mais tarde nominada de Estados Unidos da América. Entre esses, surgiam também algumas seitas, como os Adventistas do Sétimo Dia, que embora pregassem sobre Jesus e rejeitasse ensinos católicos, tinham uma visão particular e seguiam o que consideravam uma profetiza, Ellen G. White.

Como é sabido, Charles Taze Russell possuia descendência escocesa-irlandesa e foi fortemente influenciado por seu pai presbiteriano, mas totalmente declinante diante das decepções da religião. Aos 17 anos, então, conheceu o pastor adventista Jonas Wendell numa reunião do "Segundo Adventismo" o qual o iluminou no restabelecido da fé nas Escrituras. Apesar de ter sido fortemente influenciado pelas crenças adventistas, Russell não seguiu especificamente a religião, mas junto com seu pai, formou um grupo de estudo da Bíblia em Allgheny, Pensilvania, com o film de estudar as Escrituras e extrair dela a verdade, sem a influência de nenhum religião fosse ela católica ou protestante. Nascia ali a Organização que mais tarde seria conhecida mundialmente como Testemunha de Jeová! (Proclamadores do Reino, Cap.5)


A Sentinela e o símbolo que supostamente alguns atribuem à maçonaria


O contexto da Bíblia nos informa que Deus provê iluminação espiritual gradual e progressiva, conforme os tratos de Jeová com Abel, Enoque, Abraão, Davi, Salomão e Samuel. Seria ingenuidade achar que Russel seria totalmente iluminado com as verdades bíblicas de uma hora para outra.

Chegamos então às pirâmides! Como se sabe, pirâmides na verdade, são grandes sarcófagos, túmulos, o qual o povo egípcio acreditava exercer alguma influencia após a morte da pessoa. Ao ler o texto de Isaias 19:19,20 chegou a conclusão de que a grande Pirâmide de Gizé faria parte de um cronograma divino que mostraria o fim dos tempos. O texto diz: " Naquele dia virá a haver um altar a Jeová no meio da terra do Egito, e uma coluna a Jeová ao lado do seu termo. E terá de mostrar ser como sinal e como testemunha para Jeová dos exércitos na terra do Egito; pois clamarão a Jeová por causa dos opressores, e ele lhes enviará um salvador, sim, alguém grandioso, que realmente os livrará." A partir daí Russell fez algumas correlações com passagens bíblicas e partes da arquitetura da pirâmide de Gizé e publicou suas idéias no livro "O Plano Divino das Eras". Chegou a conclusão de que os verdadeiros cristãos seriam arrebatados em 1914 e que a partir daí o mundo não seria mais o mesmo. Como sabemos, graças a leitura do livro "Proclamadores do Reino" isso não aconteceu e Russell teve que rever algumas de suas idéias, mas não demoveu a crença de que a grande pirâmide de Gizé ainda influenciasse de alguma forma o cronograma divino.

Mas será que Russell e seus associados adoravam a pirâmide? NÃO! Será que as nossas crenças são baseadas na piramidologia? NÃO! Era Russell maçon e a revista Watchtower servia para divulgar preceitos maçônicos? NÃO! Porque Russell esta enterrado abaixo de uma grande pirâmide e num terreno que hoje pertence a um centro maçônico? Responderei a tudo isso no próximo post.

13 comentários:

  1. Ei véio, Joseph Smith não é o dos Adventistas e sim dos Mórmons.

    ResponderExcluir
  2. Mano! Voce aguçou meu apetite para ler o livro Proclamadores! Valeu meu irmão, abraços.

    ResponderExcluir
  3. Verdade, Anonimo, verdade. Confundi as coisas, no caso dos adventistas trata-se de uma profetiza, chamada Ellen G. White.

    ResponderExcluir
  4. Há de fato um Smith na vida de Ellen White e dos adventistas, Urias Smith. Mas, de fato a srª White é a famosa, alguns de lingua mais ferina, dizem que ela começou a "profetizar" depois de uma pedrada, outros a acusam de plágio.

    ResponderExcluir
  5. TESTEMUNHA DE JEUVA É IGUAL A CAMARÃO TEM MERDA NA CABEÇA

    ResponderExcluir
  6. MANDEI UM COMENTARIO APESAR LER ESSE BLOG AGORA ESPERO QUE AQUI TENHA LIBERDADE DE EXPRESSÃO? POIS OS T J SÃO ENTI CRISTO

    ResponderExcluir
  7. Estou aguedando a continuação. Tem quase um ano... e até agora...

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Josemar, nossa que bobagem... nunca ouvi dizer que "Proclamadores" são para entendidos. Nada disso, diga pra seu instrutor que você quer sim ler o livro Proclamadores. rsrsrs

    ResponderExcluir
  10. meo tudo esta ligagado a maçonaria

    isso ja existe a muito tempo cara
    antes msm das testemunhas de jeova

    ResponderExcluir
  11. Os que falam contra as testemunhas de Jeovà não mostram argumento nem um para provar o que eles acreditam.

    ResponderExcluir
  12. cara ainda vou ver vc clamar por jeova e ele com certeza te julgara com amor,mas quanto a salvacao nao sei se ele te dara....lembre-se jeova e o unico e verdadeiro deus e o fara ver a verdade!!!valeu

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.