sexta-feira, 20 de maio de 2011

DESASSOCIADOS, MAS FIÉIS!

"Tenhamos boa coragem e digamos:
Jeová é o meu ajudador". - Heb. 13:6


O homem não é uma ilha! Foi criado para viver em grupo, em família, com seus semelhantes. Justamente por causa disso a desassociação (excomunhão) é a maior punição que Deus estabeleceu no primeiro século para os pecadores impenitentes. David, um colega de trabalho, também desassociado, me disse certa vez que a desassociação é como se estivesse correndo para uma cidade de Refúgio, longe de todos. Discordei, obviamente. Nas cidades de refúgio, além do homicida não-intencional poder conviver com outras pessoas, lá era um arranjo para toda vida, não havia retorno. Para os desassociados há! (Num. 35:6)


O primeiro grande baque para um cristão que ama a Jeová e é desassociado é cair na realidade. Durante a Comissão Judicativa não entendemos plenamente a correção que estamos tomando, a punição vem mesmo  quando ouvimos nosso nome ser anunciado na congregação, e pior, quando percebemos que a partir daquele momento estamos só no mundo, que as pessoas não poderão falar contigo, e que você será como uma pessoa inexistente. Claro que estou falando das pessoas que amam a Jeová e tem pleno conhecimento dos seus atos.  Por isso admiro muito quem é sozinho na verdade, e ainda assim, teve forças para voltar. Graças a Jeová minha família tem sido um apoio enorme na minha quarentena espiritual.


Quando isso acontece, vem o sentimento de culpa. É quando nos damos conta do quanto pecamos contra o nosso Deus. Nos sentimos envergonhados, arrependidos, se pudéssemos voltaríamos no tempo para não cometer os mesmos erros, nos sentimos solitários, tristes, passamos a sentir imensamente a falta do convívio com os irmãos, das nossas atividades espirituais.

Quando tudo isso parece ser o bastante, vem a hora em que passamos a sentir pena de nós mesmos. É neste momento que passamos pela maior prova de fogo. Acontece cerca de um mês depois de desassociados. Passamos a achar que Jeová não nos ama, que nosso Deus está zangado conosco, e que virou as costas para nós. Nos achamos indigno até mesmo de orar. - Compare com as palavras de Davi no Salmo 32.

É aí, que Satanás entra de sola.

O Diabo não pode ler nossos pensamentos, mas como o maior psicólogo que existe no universo, ele nos conhece por meio das nossas ações, nossas motivações e de nossas tendências e pode estabelecer exatamente o tipo de coisa que pode nos derrubar. Este é o ponto exato aonde "amigos amáveis" irão surgir se você for uma pessoa carente, que "mulheres gostosas" ou "o homem lindo e romântico" irá surgir se a sua auto-estima é daquelas que fica lá no fundo do poço, ou, a "oportunidade do ano" ocorrerá se você for uma pessoa materialista.

É justamente aí que alguns acabam caindo no mundo de vez. O sentimento de auto-piedade acaba fazendo com que nos tornemos vítimas. Começamos a imaginar que a punição foi dura demais, que poderia ter sido diferente, e vem a revolta. Se não for controlada, acaba virando rebeldia, e pior, apostasia.


Alegrai-vos em Jeová e sede jubilosos, ó justos;
E gritai de júbilo, todos os que sois retos no coração 
 Salmo 32:11


É neste momento que você deve gritar o nome de Jeová. Se tranque num quarto, numa sala, e fale o nome Dele bem alto. Peça, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo, perdão por tudo que você fez, e ore, ore muito, chore se tiver vontade, suplique, porque neste momento você vai descobrir que Ele nunca se afastou de você.

Evite situações em que você possivelmente irá cometer erros. O correto seria evitar amizades no mundo, mas como não suportamos ficar sozinhos, se for, escolha amizades "menos ruim", pessoas que apesar de não serem cristãs, tenha princípios de moral e respeite os seus valores. Leia muito, revista novas, revistas antigas, devore livros (eu sempre recomendo ler "Adore a Deus" e "Proclamadores do Reino"), e nunca, jamais, perca uma reunião.

É normal se sentir envergonhado no inicio. Mas pense bem, você enfrentou tanta coisa para se tornar Testemunha de Jeová, crítica de amigos, de familiares, até perseguição, e conseguiu chegar ao batismo, vai se deixar levar agora por aquilo que supostamente você acha que seus irmãos estão pensando de você? Ah, pára com isso! Você é apenas uma curiosidade no início, não se preocupe, duas ou três reuniões depois passa. No inicio podem te olhar, apenas para ver como você está, faz parte da nossa natureza imperfeita (e futriqueira) mas acredite, ninguém está te condenando (Tudo bem, pode ter uma ou duas idiotas, mas Jeová vai cobrar deles no tempo certo), a maioria está feliz por você está ali. Da mesma forma como você estaria feliz se um(a) amigo(a) estivesse desassociado e voltasse a assistir as reuniões.

Nada de sentir pena de você! Erga essa cabeça, tenha orgulho de saber que você é uma Testemunha de Jeová. Seu cartão ainda pertence ao Salão do Reino, todas as reuniões trimestrais os anciãos estarão falando de você, em todas as visitas o Superintendente de Circuito está perguntando por você, todo ano pelo menos uma vez, os anciãos vão querer falar com você. Você não foi esquecido, você existe e é amado por todos. É amado, principalmente por Jeová e seu filho Jesus Cristo, que assim como o pai que se derramou em lágrimas quando seu filho retornou, estará lá nos céus, em lágrimas, porque não?, celebrando a sua volta quando você for finalmente readimitido(a). - 2 Corintios 2:5-8

15 comentários:

  1. não é fácil ser testemunha de jeová em um mundo governado por satanás e seus demônios,mas lembre sempre uma coisa,o que você está passando,muitos estão passando pelos mesmos problemas,o importante é não desistir nunca,de início você me pareceu o albert camus,em o homem revoltado,más lendo mais chego a conclusão que cada testemunha de jeová,verdadeira,assina uma setença de vida e morte com jeová,não tem para onde ele correr pois tudo que fizer repercutirá para dentro da organização e não tem como desatar este nó,é como uma marca que jeová colocou em caim para que ninguém o asassinasse,caso o encontrasse e é isso que aconteçe com um desassociado,jeová pos uma marca nesta pessoa para que as forças íniquas de satanásnão destrua.é muito importante está à parte a organização de jeová e saber o que está acontecendo,ser um esforçado estudante da bíblia e ler se possível não apenas proclamadores do reino,más principalmente,estudo perpicazes das escrituras,revelação,seu grandioso climax está próximo!o poderá viver para sempre no paraíso na terra e ficar vigilante quanto ao que está acontecendo no mundo e se informar a respeito de tudo de dentro da organização terrestre de jeová,só assim conseguiremos dar uma resposta satisfatória de "NÃO"ao mundo de satanás,e sim ao novo mundo de JEOVÁ.

    ResponderExcluir
  2. André...meu amado irmão...
    Nós que estamos na congregação,quando vemos um irmão ser desassociado ficamos muito tristes ,é claro...Mas apenas através dos seus sentimentos pude ver as coisas como elas realmente são para a pessoa que realmente ama a Jeová e erra.
    Eu não enxergo mais a pessoa que errou pq é fraca e infiel e sim a pessoa que ama a Jeová e infelizmente é escrava da imperfeição,como todos nós.
    Faço minhas as suas palavras "Você não foi esquecido, você existe e é amado por todos."
    Abraços...

    ResponderExcluir
  3. foram muito importantes estas palavras!

    ResponderExcluir
  4. fazem nove meses que não falo com minhas irmãs e meus cunhados desde que fui desassociado. Meus pais moram na casa de baixo e o contato é mínimo, do tipo bom dia, boa noite. Respeito a orientação divina sobre como deve se comportar um desassociado e me coloco no meu lugar.
    Infelizmente, fizeram até calúnias sobre mim para acabar ainda mais com minha reputação. Alguns irmãos andaram comentando que falo com irmãos e não respeito as normas da congregação. Acredito que muitos desassociados passem por isso, apesar disso, desde que fui desassociado não perdi uma reunião, e me esforço para manter uma rotina espiritual, e me esforço para voltar fortalecido e não permitir que nada faça transigir minha integridade! Abraços e em breve seremos de novo irmãos com a ajuda de Jeová.

    ResponderExcluir
  5. washington,certa vez eu escutei o seguinte comentario entre dois irmao,um disse pro outro nossa como a desassociaçao fez bem pra vc.nao adrentei no assunto porque mau passava na minha cabeça ser desassociado um dia.mas hoje eu vejo que muitos que sao disciplinados por jeova voltam mais amorosos mais compreesivos e mais fieis a jeova.nao to querendo dizer que a pessoa precisa ser disciplinada por jeova pra ser tudo isso,longe disso,.conheço anciaos e conheci um superitendente de cirquito que passaram por tal disciplina,e sao pessoas dignas de louvor.jeova cuida de todos nos.

    ResponderExcluir
  6. olá sou novo no blog e gostei muito das suas palavras faz 9 meses q estou desassociado mais mantenho minha integridade apesar de boatos falsos a meu respeito
    sei q meu nome não sera como antes pois já fui pioneiro regular por 3 anos, um més antes de fazer o curso de pioneiro satanás me pegou pelo meu ponto fraco em cheio .agora com meus 17 anos dou graças a Jeová por ter o conhecido pois vejo com meus próprios olhos como esse mundo esta se deteriorando com seu governante,
    bem agradeço aqui por ter a oportunidade de abrir meu coração obrigado e espero estar em breve servindo lealmente assim como todos nos estaremos abraços a todos!

    ResponderExcluir
  7. Gilda---
    querido irmao estoi desassociada a 6 meses e me sinto bastante so pois na congregacao eu era bastante ativa e comunicativa, suas palavras para mim foram de muita ajuda, eu ainda nao pedi a visita pois tenho bastante medo de nao ser aceita, acho as vezes que apesar de nao me associar com pessoas do mundo e o mundo em si e frequentar constantemente as reunioes hoje sinto que apesar de sentir saudade de algumas pessoas eu me acostumei a entrar e sair das reunioes e n sentir falta dos demais. abraco

    ResponderExcluir
  8. Sabe, tudo o que escreveu é a verdade, e suas palavras me ajudaram muito...
    faz 7 meses que estou desassociada, tenho tido meus altos e baixos, mas nessas ultimas semanas tenho me fortalecido espiritualmente, lendo a biblia diariamente, lendo as publicaçoes, preparando as reunioes e frequentando elas sempre que o serviço não me impede ( mudei de horario essa semana)... Mas tenho observado como satanás tenta nos afastar de Jeova, seja por doença ou por outros meios...
    Eu tenho depressão, tenho tentado me livrar dela há cerca de 1 ano, passo com psicologo, e psiquiatra... mas como eles não entendem a maneira que eu penso, não me ajuda muito a alcançar meus objetivos...
    O livro lançado volte para a Jeova foi a melhor carta que poderia ter escrita pra nós que amamos a Jeova e que muitas vezes nos sentimos fracos...
    Sinto muita falta da minha familia espiritual em compensação da de sangue eu vivo muito bem longe,...
    queria agradecer pelas palavras de cada um de vcs...

    ResponderExcluir
  9. Me batizei aos 11 anos, com 12 me tornei Pioneiro Regular. Foram 7 anos de serviço intenso. Mas cai e aos 20 anos fui desassociado... Meu pai é ancião, mamãe é pioneira.
    No mundo muita coisa me aconteceu, estão sendo os MELHORES ANOS DA MINHA VIDA. Curtindo muito e pecando demais.
    Porém, sei qual é a Religião Verdadeira e como obter a Verdadeira Vida. Mas como deixar os prazeres do mundo? Não sinto falta dos irmãos, nem da minha família, chego a pensar que odeio os anciãos por seus erros...
    AINDA AMO A JEOVÁ, SEMPRE O AMEI... Vou nas reuniões periodicamente. Falo muito da Bíblia com amigos e parentes evangélicos. Leio as publicações da Associação.
    Espero sinceramente que ainda consiga ter o desejo de voltar a me congregar.

    ResponderExcluir
  10. Como é maravilhoso esse site!
    Nunca imaginei que pudesse existir um grupo como esse. Sou desassociado mas amo muito a nosso Deus Jeová

    ResponderExcluir
  11. Fui pioneira regular...Sou desassociada há quase 5 anos... E me sinto exatamente como essas palavras ditas. Penso que não sou digna de voltar pra Jeova, mas eu o amo muito...sou sozinha, e quando comento com minha família que irei voltar eles dizem que estou doida... Por muitos motivos não tenho força suficiente pra voltar, preciso de ajuda da qual quero muito. Sinto falta da organização de Jeová.

    ResponderExcluir
  12. Fui pioneira regular...hj desassociada há quase 5 anos, e não tenho família cristã. Me sinto examente como disse acima.. Às vezes penso que não digna do amor de Jeova, penso muito em voltar, porém sem forças pra isso... Passei por muitas coisas ruim neste mundo cruel, hj tenho um filho de 2 meses no qual o pai nos abandonou a pouco tempo, minha família não me dar nenhum apoio, dizem que sou doida em querer voltar... Mas sei que o melhor lugar pra criar meu filho é na organização de Jeová, preciso de ajuda..

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.