domingo, 11 de outubro de 2009

PL 122/2006 e as Religiões


Muito se tem argumentado, principalmente as religiões evangélicas, sobre o Projeto de Lei que está tramitando na Camara dos Deputados de número 122/2006. O projeto visa retificar e ratificar a Lei 7.716/89 que define os crimes resultantes de preconceito de raça ou de cor, além de dar nova redação a outras Leis similares. No entanto, o maior bafafá quanto a esta nova redação está sendo criado especificamente por causa da inclusão dos homossexuais no rol das "minorias" que já fazem parte as mulheres, negros e índios (sic).

O Brasil é um paradoxo, é o único país aonde se criam Leis e mais Leis, muitas delas redundantes, para simplesmente não serem respeitadas ou estabelecidas por um tempo e depois esquecidas. Para começar, nao deveria haver estatutos específicos para crianças, idosos, índios, negros e afins, porque a própria Constituição do país prevê punição para crimes de preconceito e discriminação do cidadão brasileiro, pois estabelece no seu no seu Art.5º que todos são iguais perante a Lei.

No entanto, não parece que será o caso desta vez, aonde a Lei permitirá muitas interpretações e por isso, vai render muitas discussões, processos e prisões; uma briga desnecessária que poderia ser evitada se houvesse um bom senso entre as nossas autoridades em no mínimo estabelecer uma discussão com a Sociedade e serem mais detalhistas no momento de descrevê-las. A comunidade homossexual está adorando, afinal, ate eu seria a favor se alguém criasse uma PL a favor dos cidadãos chamados de "André", portanto, não há porque condenar o marketing que tem sido feito e abraçado por muitos moderninhos simpatizantes da causa. Mas lendo a Lei de perto, vemos que alguns pontos são muito subjetivos e a aplicação da Lei se dará conforme a interpretação que será feita pelo Juiz. E isso pode ser um problema.

Muitos evangélicos tem distribuido textos chamando a PL de absurda, supondo até que muitos pastores serão presos e a Bíblia será rasgada por causa dos textos aonde Deus condena abertamente o homosexualismo e infelizmente muitos irmãos tem distribuidos estes mesmos textos fazendo aplicação aos últimos dias, graças a perseguição religiosa. Por favor, parem! O pau come contra os nossos irmãos há décadas em alguns países na África, na Ásia e no Leste Europeu, nem por isso os irmãos de lá estão achando que o Armaggedom está vindo "amanhã".

Pra começar seria um exagero achar que Bíblias seriam destruídas ou proibidas de distribuição, num país aonde 88% das pessoas manifestam fazer parte de uma religião cristã. Quanto aos pastores, serão presos apenas aqueles que cometerem o crime de injúria , ou seja, ofender a dignidade e o decoro de uma pessoa por ele ser gay ou lésbica. Declarar em programas religiosos que o homossexual é cria do capeta, que estão endemoniados ou que são moralmente impuros, pode dar cadeia, se você não tiver uma prova concreta da sua acusação. Detenção de um a seis meses, para ser mais específico. Vale lembrar que a Constituição já previa esse tipo de crime para qualquer cidadão brasileiro que se sentisse ofendido por alguém.

No artigo 8º-B, outro texto bastante criticado pela bancada evangélica informa que é crime "Proibir a livre expressão e manifestação de afetividade do cidadão homossexual, bissexual ou transgênero...". Ai talvez alguém imagine: então se dois gays se beijarem numa igreja e forem repreendidos, isso constitui crime? Não, porque o restante do texto reza: "...,sendo estas manifestações permitidas aos demais cidadãos ou cidadãs." Em temos simples a Lei diz que se homem e mulher pode, gay também pode. Se um Shopping permite que casais heterossexuais se beijem e se abracem, então não poderá recriminar um casal homossexual; como ninguém vai para uma igreja se beijar, seja homem ou mulher, não há porque se preocupar. Entrementes, aqui pra nós, até mesmo para um casal heterossexual é um desrespeito ficar se "chupando" nos meio das pessoas.

Enfim, como Testemunha de Jeová, não vejo no que essa Lei possa prejudicar nossa Organização. O tratamento dispensado a homossexual fornicador é o mesmo dado ao um heterossexual. Jeová detesta o pecado, não o pecador; condena o homossexualismo, não o homossexual. Uma pessoa com tendências homossexuais pode servir a Jeová tranquilamente desde que se apegue as Leis justas de Jeová contra a imoralidade, fornicação e ao homossexualismo. (Veja Despertai! 08/12/1995, página 30 "Dos Nossos Leitores"). Com relação ao mundo, a aprovação desta Lei apenas é cumprimento de profecias e que os últimos dias estão cada vez mais últimos. - 2 Timóteo 3:1-5.

8 comentários:

  1. Olha que interessante. Ontem fiz o discurso n. 13 Com o Tema " O conceito de Deus sobre o sexo e o casamento" e destaquei isso que vc disse, que da mesma forma como um fornicador, adúltero, um viciado em drogas, se não mudar de proceder não herdarão o reino de Deus um homossexual também terá o mesmo julgamento,é um assunto que precisamos abordar com coragem e o mesmo tempo com discernimento para que outros não nos acusem termos Homofobia contra tais.

    ResponderExcluir
  2. Você fez discurso fora? Geralmente fazendo discursos fora eu fui "obrigado" a moderar por causa do conservadorismo de alguns anciãos. Servos Ministeriais, não tem moral. :(

    ResponderExcluir
  3. Sabe o que eu faço contra o conservadorismo? Junto varios artigos de diversas publicações que comprovem o que eu digo. Quando alguém fala alguma coisa, eu pego o artigo em questão e deixo a pessoa ver com os próprios olhos que o que falo em discurso tem base. Sempre deu certo.

    ResponderExcluir
  4. Valeu! Pra mim essa questão sempre foi muito clara... aprendemos que Jeová odeia o ato e não a pessoa e nós devemos imitá-lo, não podemos ter preconceito, mas na medida do possível ajudar essas pessoas a conhecer o conceito de Jeová, e a decisão final é delas, afinal prestarão contas com Jeová e por avisarmos ficaremos limpos do sangue delas.

    ResponderExcluir
  5. BIO - pode parecer até que estou sendo insenvivel com alguns irmãos, mais não é essa a intenção, mais vi no seu post mias uma confirmação daquilo que vejo em muitos - a preguiça mental de ler, estudar, pesquisar se atualizar ou pelo menos se manter a pá daquilo que aprendemos como conhecimento básico. Ja recebi esse e-mail de "alguns" e fazem esse mesmo drama de perseguição, fim coisa e tal.Parece que alguns esquecem que ainda faltam 4 profecias acontecerem antes do armagedom e apartir delas que estaremos na ladeira abaixo do fim.
    Como teremos o fim repentino conforme esses email, se ainda falta:
    1 - Clamarem paz e segurança;
    2 - Aparecimento do rei( lembram que a UNIÃO SOVIÉTICA CAIU?)
    3 - Governos se virarem contra babilonia
    4 - Grande tribulaçao
    Sendo assim, faço das palavras do andré as minhas tambem, PAREM com essas bobagens, parecem que querem ser pseudo- profetas. Deixem isso a quem cabe e foi designado pra isso.Vao pesquisar, se aprofundar e conhecerem a largura, altura, profundidade e comprimento das escrituras, sigam o conselho de Paulo, de ansiarem o alimento sólido, talves assim deixem de mandar essas mensagens bobas.Cuidado que isso acaba sendo uma apostasia disfarçada, ou não? .....
    e perdoe os erros viu fernando kkkk sou muito preguiçoso pra corrigir depois de escrito o texto

    ResponderExcluir
  6. Foi fora, porem o que eu disse estava de acordo com uma sentinela ou despertai (é incrivel mas não lembro), basta escrever Homofobia na biblioteca e aparecerá a revista que fala sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  7. como estudante, gosto muito das publicações como a despertai e a sentinela que sempre abordam estes assuntos relacionados ao homossexualismo e que como essas pessoas sentem ao descobrir a verdade, acabam se libertando de seus vícios e servindo a jeová da melhor maneira possível.

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.