quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

André Petry, o imbecil que escreve para Veja







Diz a máxima que toda unanimidade é burra. Baseada na idéia de que muitas coisas são relativas, ou exigem várias interpretações a depender de certo ponto de vista. No jornalismo, se permite até que determinado profissional tenha uma visão pessoal das coisas, mas jamais ele deve criticar ou rebaixar opiniões contrárias as suas.

André Petry, um colunista medíocre e quase não lido da Revista Veja extrapolou todas as regras jornalísticas em sua coluna da edição da semana passada. Defendendo Darwin e a evolução, praticamente chamou de imbecis aqueles que defendem ou acreditam na criação. Seu protesto pelo fato do criacionismo estar finalmente sendo ensinado nas escolas, dando uma opção para que o estudante possa pensar e raciocinar, é infame e sem escrúpulos. André Petry, que acredita que descendeu de uma primata – já eu acredito – foi manipulado pelos livros de ciências que dizia que viemos dos macacos e que toda complexidade que existe no mundo surgiu do acaso, num passe de mágica espontâneo. Para ele, dar a opção ao estudante de crer que algo criou tudo é “deseducador” e “embrutece”.

Sem nenhum conhecimento de ciências, apenas baseado na sua fé cega as idéias imbecis de Darwin, ele defende a evolução como “a mais bela explicação que a ciência encontrou”, sem julgar se o belo é verídico, ou seja, ele prefere acreditar nas fábulas darwinistas. Ele faz uma comparação tosca entre numerólogo e matemático, químico e alquimista, ensinando que o criacionismo são histórias de contos de fada. O homem vir do maçado é real!

André Petry, assusta, ao propor que os estudantes sejam manipulados a crer em apenas uma verdade absoluta imposta. Para ele, estes são ignorantes que serão confundidos se forem lhe dadas outras opções. Graças a Deus ele não é político, pois seria um tirano.

Darwin foi um ignorante. No seu tempo não havia tantas descobertas científicas e baseadas em suas superstições agnósticas ou ateias. Não senhor Petry, as descobertas genéticas, datação radioativa (que não é confiável) e a geologia moderna só fizeram confundir. Se nunca houve um elo perdido, agora ele está mais perdido que nunca. Na verdade, a complexidade do universo e dos seres humanos leva as pessoas a cada vez mais desconfiar de que houve algo inteligente por detrás de tudo isso.

Mas infelizmente para você, André Petry, é difícil imaginar isso em sua mente retrógrada, infértil e inútil. Darwin é um macaco tolo. Você um mico de circo.

Já a revista EPOCA desta semana me surpreende dando um show de imparcialidade. Retrata de forma clara, como muitas das idéias de Darwin hoje são combatidas e não reflete a realidade. Não toma partido e embora não seja a favor do criacionismo, não há torna uma crença absurda e desmoralizante.

3 comentários:

  1. Olá, só pra constar o evolucionismo não diz que o homen veio do macaco, Eu estou estudnado, e tenho alguma noção sobre evolucionismo,, convim ouvir os dois lados antes de tirar-mos conclusões.

    ResponderExcluir
  2. Olá, só pra constar, o evolucionismo não diz que o homen veio do macaco.
    o c14 É confiável, e quando não, há outros tipos e métodos de datação que são confiáveis.E sim, explosões causam ordens, basta ver como são feitos os diamantes.

    ResponderExcluir
  3. ateu, apóstata e os "sábios" deste mundo, JEOVÁ não revelou os seus propósitos, então o que ele disse é SILÊNCIO para o povo de JEOVÁ.

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.