sexta-feira, 9 de maio de 2008

[ Estudo de Livro! ]

Eu sou um visionário! Há mais ou menos um mês disse para Moisés, um ancião de minha congregação:

- Jeová me perdoe, mas Estudo de Livro é um teste de paciência. Os irmãos, quando vão, é com cara de obrigação, parece um fardo. As irmãs nem se arrumam direito, vão de chinelo ou sandálias e quando comentam, parece um festival do soletrando. O bom seria se fossem todos no Salão do Reino.

O Escravo fez melhor! Simplesmente aboliu o Estudo de Livro de Congregação. E para não dizer que estou errado, basta a expressão "...não queremos adicionar fardo adicional..." e "...tomar medidas para aliviar sua carga por fazer ajustes na programação semanal das reuniões congregacionais..." utilizada na carta do Corpo Governante lida na congregação.

Particularmente, achei a melhor notícia desde o ajuste para transformar A Sentinela numa revista para o público não-Testemunha de Jeová. Engraçado é que assim como atualmente, naquela época eu também fazia afirmações de que não gostava de oferecê-la no Serviço de Campo, porque achava-a de difícil interpretação para quem não era Cristão. Só faltaram me bater na época! Comedido, fiz meu comentário sobre o Estudo de Livro apenas a um ancião de confiança.

Bravo! A resposta de Jeová veio rapidíssima!

4 comentários:

  1. Provavelmente os irmãos vão ao estudo de livro com cara de obrigação, aparência desleixada e comentam mal porque quem dirige o estudo deve fazê-lo sem entusiasmo e interesse, e não me surpreenderia se quem o fizesse no seu grupo fosse você, o grande visionário. O fato do CG ter usado a expressão bíblica "fardo adicional" não significa que o arranjo deu errado, afinal, quantos anos tem o estudo de livro? trata-se apenas de uma troca de prioridades em face do tempo em que estamos vivendo e da necessidade de cada um reforçar o estudo pessoal e em família bem como a preparação para as reuniões. Prepare-se bem e progrida neste aspecto para que amanhã quando Jeová o abençoar com o privilégio de ancião você possa ser achado qualificado para dirigir o estudo de congregação estimulando todos a vir à reunião com cara alegre, bem-arrumados e dando comentários bem-preparados.

    ResponderExcluir
  2. Como disse, é uma maravilha quando Jeová dirige sua organização.

    ResponderExcluir
  3. Achei o texto totalmente apostata, estamos numa epoca dificil, a perseguição logo irá começar, a casa dos irmãos seria um alvo muito facil, por isso o motivo da abolição do maravilhoso estudo de livro, mas é assim mesmo, quem não tem Jeová no coração, tem essas "visões" apostata sempre.

    ResponderExcluir
  4. é bom o corpo governante fazer os ajustes necessários, só assim nos deparamos com novos desafios a ser seguidos.

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.