sexta-feira, 16 de novembro de 2007

[ Qual o seu nome? ]

Desde os primórdios, ter um nome bonito sempre foi uma das buscas do ser humano. Os servos de Jeová colocavam nomes nos filhos que refletissem sua adoração e gratidão ao único Deus verdadeiro. Aliás, o próprio nome de Deus tem significado. Colocar nomes com significado sempre foi uma atitude de toda e qualquer cultura.

Se fosse pela vontade de minha mãe, hoje vocês estariam falando com “Claudio Augusto”; mas graças a uma manobra de meu pai, me tornei “André Luís”. Os dois já discutiam há tempos sobre o nome a colocar em mim, então, se aproveitando da recuperação pós-parto de minha mãe (afinal, ter o primeiro filho de parto normal pesando 4,9 kilos não é para qualquer uma), meu pai me registrou com o nome do profeta espírita André Luiz (meu pai era simpatizante do kardecismo, embora se declarasse católico apostólico romano).

Apesar da origem, gostei. Prefiro ser André Luís do que Claudio Augusto e ganhar apelidos como “Cacá”, “Cacau” e “Claudinho”. Por increça que parível apelido nunca pegou em mim, embora algumas colegas de trabalho me chamem de “Dedé” só pra me irritar.

Esse negócio de nome é complicado, principalmente quando temos o azar de ter pais que nos dêem nomes ridículos. Ano passado a justiça não permitiu que um homem registrassem o nome do filho de “Bin Laden”. Na Caixa Econômica sempre nos deparamos com alguns nomes ou sobrenomes engraçados, além daqueles esdrúxulos que já conhecemos por correntes de e-mail.

Mas ridículo mesmo é a mania de colocar nomes "americanizados". Joana vira Joanna, Suzana se transforma em Suzzany, e por aí vai a balbúrdia. Eu tenho uma amiga que se chama Pollyanne Chrystynne. Imagina só?

E mania que alguns irmãos tem de colocar nomes bíblicos? Será que o pessoal acha que é "amulêto" retirar nomes da bíblia? Só pode, porque alguém achar que nomes como Ezequiel, Oséias, Miquéias, Gemima, Zacarias, Teófilo, Menaías, são nomes bonitos, precisam rever seus conceitos. Coraaagem!!

Mas é isso aí. Nomes não escolhemos. Mas quando são curiosos, sempre possuem os que tem curiosadade (sic). Você, por exemplo, sabe porque seus pais te deram esse nome?



.

2 comentários:

  1. Bem,meu no nome Joice foi colocado inspirado em uma novela,era o nome de uma personagem que se fazia de cega.No meu caso o estrabismo é real embora bastante leve ( ainda bem!)
    O significado descobri recentemente " mulher cheia de alegria" isso sim parece comigo.

    ResponderExcluir
  2. Já estudei com algumas pessoas com nomes esquisitos: Azanate (o povo do colégio a chamava de Asa Norte); Manita Tchimbalanga (a coitada sofreu na época do Timbalada);
    Atualmente estudo com uma Karollynne e uma Marya Edduardda.
    É mole???

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.