sexta-feira, 13 de março de 2009

Renascer: uma porrada para Jesus?



Eu nunca contei para vocês, mas eu já fiz parte da Igreja Renascer em Cristo, lá pelos idos de 1987 eu acho. Na verdade fui apenas em alguns cultos, ainda era adolescente, e fiquei atraído na época pelos shows de rock que havia lá. Mas logo meu conhecimento sobre Jeová baseados no livro Viver para sempre no paraíso na terra me fizeram tomar a direção correta.

A Renascer em Cristo faz parte da linha de igrejas chamadas "neo-petencostais", formada por outras famosas como Sara Nossa Terra, Brasil para Cristo, Igreja Bola de Neve, que acreditam, entre outras coisas, na teoria da prosperidade (de que adorando o Senhor você vai ter sucesso, ficar rico, etc) e que tudo é abençoado se for feito em nome de Deus.

Se tudo que é feito em nome de Deus é lícito, igrejas como essas criam as mais absurdas modalidades suspostamente com o intuito de atrair fiéis à Jesus (leia-se atrair fiéis à igreja).

A mais recente da Igreja Renascer em Cristo (aquela em que seus pastores cumpriram pena nos EUA por terem tentado entrar com dolares dentro da Bíblia) é o campeonato de VALE TUDO. Sim, aquela luta onde vale distribuir pancadas a torto e à direito com o intuito de derrubar o adversário.

Gente, olha só como beira o absurdo. O mesmo pastor que arbitra as lutas de vale tudo e jiu-jitsu é o mesmo que depois prega contra a violência. Seria o mesmo que uma dona de cabaré dizer "odeio sexo". Lotar as igrejas, aumentar a arrecadação é o que importa, o resto não interessa.

É justamente por isso que a cristandade possui sua maior parcela de culpa em vituperar o nome de Deus. Os muçulmanos e judeus queimam sua língua por suas próprias ações, mas pelo menos ninguém os associa a Jesus Cristo e ao Deus Todo Poderoso, porém, as igrejas que dizem pregar a Cristo transformam Jesus e seu Pai em objeto de escárnio por meio de suas ações incoerentes. Lamentável.

É por isso que as pragas dela virão num só dia,
morte, e pranto, e fome,
e ela será completamente queimada em fogo,
porque Jeová Deus, quem a julga, é forte.
- REV 18:8

3 comentários:

  1. (Tito 1:16) . . .Eles declaram publicamente que conhecem a Deus, mas repudiam-no pelas suas obras, porque são detestáveis, e desobedientes, e não aprovados para qualquer sorte de boa obra. . .

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente que a religião não pode fazer eventos deste tipo, não pega bem, porem, não considero artes marciais como sinonimo de violência(estou falando das AMS não do vale-tudo)

    ResponderExcluir
  3. isso mostra que quando babilônia, a grande cair é por um motivo justo, pois ela está com suas mãos sujas com sangue de inocentes e o livro de revelação mostra que os reis da terra se juntaram para acabar com estas religiões que desonram o nome de Deus e praticam coisas abomináveis ao olho de jeová.

    ResponderExcluir

TODOS COMENTÁRIOS SÃO MODERADOS. (1) Não tiro dúvidas sobre doutrinas cristãs (2) Não permito ofensas, palavrões ou termos vulgares. (3) Não é permitido proselitismo, apostasia, contudo, aceitamos bons argumentos.